Condor ensina como manter a saúde bucal infantil

outubro 24, 2022

Ortodontista Hamilton Júnior, embaixador da marca, explica os cuidados de acordo com cada faixa etária

A saúde bucal infantil merece atenção especial desde a primeira dentição. Porém, muitos pais têm dúvidas sobre como ajudar os pequenos na escovação correta dos dentes. Para saná-las, o ortodontista Hamilton Júnior, embaixador da marca Condor, aproveita a Semana da Criança para explicar a importância emocional da presença do adulto durante a escovação e dar dicas sobre os principais cuidados de acordo com cada faixa etária.

Memória afetiva para as crianças
 

Escovar os dentes pode, sim, ser um momento de afeto e diversão entre as crianças e seus cuidadores. Antes de tudo, tenha paciência e escolha escovas e géis dentais com personagens que a criança se identifique. Faça jogos e brincadeiras para ganhar a atenção do pequeno e, assim, escovar todos os dentes e língua (é a parte mais difícil, porém é uma ótima forma de acostumá-la desde cedo). Também passe o fio dental pelo menos um vez por dia.

Aos poucos, comece a dar autonomia à criança, ensinando como a escovação correta deve ser feita e o porquê – os pequenos gostam de entender tudo, desde como os dentes nascem até o que são as cáries. Esse ritual, além de formar lindas memórias afetivas com a criança, vai torná-la um adulto consciente sobre a importância da saúde bucal.

Higienização
 

Em qualquer idade, os cuidadores devem ficar atentos à higienização das escovas de dente. Ela deve ser guardada no armário para não ficar exposta e sujeita a contaminações. No entanto, é importante que a escova de dentes seja lavada antes da utilização – mesmo estando armazenada em um local próprio – e após o uso.

Acompanhe o crescimento
 

Antes do surgimento dos primeiros dentes, a higiene bucal pode ser feita com dedeiras de silicone. É importante limpar e massagear a gengiva do bebê, proporcionando alívio para a coceira provocada pela chegada dos primeiros dentinhos.

O uso da escova de dente infantil se faz necessário a partir do momento em que o bebê tenha seu primeiro dentinho. A escova da criança deve ser pequena, com contornos arredondados e proteção nas arestas, além de ter cerdas muito macias e uniformes. O gel ou a pasta dental também deve ser motivo de atenção, pois na primeira fase da dentição a quantidade deve ser pequena e o produto deve ser destinado a essa idade, com baixo teor de flúor. O fio dental já se torna essencial a partir dos três anos quando nascem os molares.

Quando começam as trocas dos dentes de leite para os dentes permanentes, a criança tem uma dentição mista. A cabeça da escova e a quantidade de cerdas podem aumentar, mas ainda devem ser bem macias. Para criar o bom hábito da escovação regular, é importante oferecer às crianças produtos que, além de eficientes, sejam divertidos e com sabor agradável.

Para crianças a partir dos 7 anos, a cabeça da escova pode ser um pouco maior e as cerdas não precisam mais serem extra macias, já que os dentes permanentes estão em franco crescimento em troca pelos de leite.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp

Fique por dentro de promoções e novidades