Condor investe em economia circular e ampliaações de responsabilidade socioambientais

março 15, 2022

Empresa firma parceria com a Braskem para desenvolver kit
Sustentável de Pintura, utilizando plástico pós-consumo;

 Condor adquire em torno de 190 toneladas por mês de PET
processado, oriundo de garrafas usadas que não poluirão a natureza.

A Condor – empresa nacional e líder em diversas categorias dos segmentos de Limpeza, Higiene Bucal, Beleza e Pintura -, ampliou os investimentos em ações sob os conceitos da economia circular e as diretrizes de ESG (boas práticas ambientais, sociais e de governança). Como a base de produção da empresa é a injeção de plásticos, uma das ações foi firmar parceria com a Braskem para desenvolver produtos sustentáveis oriundos da reciclagem de resíduos plásticos.

Entre os projetos dessa parceria está o Kit Sustentável Especial de Pintura, utilizando plástico pós-consumo, material obtido a partir da reciclagem de baldes industriais, provenientes do envase de tintas gráficas e de demarcação viária. O kit é composto por uma bandeja, um pincel, dois rolos de pintura e um suporte de fixação. Desde o início do acordo, em 2018, já foram utilizadas 29 toneladas de resina de polipropileno pós-consumo na fabricação deste kit.

Entre os projetos dessa parceria está o Kit Sustentável Especial de Pintura, utilizando plástico pós-consumo, material obtido a partir da reciclagem de baldes industriais, provenientes do envase de tintas gráficas e de demarcação viária. O kit é composto por uma bandeja, um pincel, dois rolos de pintura e um suporte de fixação. Desde o início do acordo, em 2018, já foram utilizadas 29 toneladas de resina de polipropileno pós-consumo na fabricação deste kit.

Além da parceria com a Braskem, o plástico reciclado é aplicado em boa parte dos produtos da marca. A empresa adquire mais de 190 toneladas por mês de PET processado, oriundo de garrafas usadas que são tiradas da natureza. Para isso, a Condor conta com a parceria de fornecedores que já trazem o plástico processado para uso industrial.

“Seguimos firme com nossos esforços para o contínuo aperfeiçoamento dos processos, tornando-os cada vez mais sustentáveis. Em 2022, aumentaremos ainda mais os investimentos em ações que apoiam o meio ambiente e promovem melhorias sociais”, ressalta Alexandre Wiggers, presidente da Condor.

Até 2025

Na linha de Pincéis, recentemente, a companhia iniciou a migração de matérias-primas naturais para compostos sintéticos. A meta é que até 2025 todo o processo de substituição dessas matérias-primas esteja concluído. Cabos para pincéis estão em processo de alteração para utilização de 100% de madeira reflorestada. 

Uso da água

A companhia também conta com o sistema de tratamento de efluentes com retorno tratado para utilização no processo de fabricação, em média de 100m3/mês. Além disso, possui um sistema de captação da água de chuva que escorre pelas telhas dos prédios da fábrica, localizada em São Bento do Sul (SC). O volume captado e utilizado durante todo o ano de 2021 chegou a 1.070.000 litros.

 Cultura sustentável

A unidade fabril também possui uma Central de Gerenciamento de Resíduos, onde mais de 70% dos rejeitos coletados são reciclados externamente e reaproveitados internamente. Isso é possível graças aos ecopontos para o descarte correto e distinto de cada tipo de material como vidro, plástico, papel/ papelão, metal/ alumínio, pilhas/ baterias e óleo vegetal.

A empresa mantém ainda ações constantes para conscientização dos colaboradores para a prática dos 3Rs (Reduzir, Reutilizar e Reciclar), tendo a coleta seletiva como foco. Exemplo disso é a campanha “e-lixo”, que direciona os colaboradores para a destinação e tratamento correto dos resíduos eletrônicos domiciliares.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp

Fique por dentro de promoções e novidades